Conselho Municipal da Juventude é aprovado

O Projeto de Lei de iniciativa do Poder Executivo, que dispõe a criação do Conselho Municipal da Juventude teve aprovação hoje, 27 de outubro, na sessão na Câmara de Vereadores por unanimidade.

Este projeto foi uma das demandas solicitadas pela juventude no PPA Participativo. Após dias do PPA, o Prefeito Litercílio Júnior e a equipe do Gabinete convocaram os delegados jovens e demais lideranças para debater e construir o Projeto para criação do Conselho que objetiva fortalecer a luta juvenil e outras iniciativas públicas que buscam dar representatividade à Juventude.

No dia 06 de outubro, data em que o Projeto foi apresentado na Câmara, os jovens se fizeram presentes para apoio e representatividade. Na oportunidade Michel Roque e Daiane Novais fizeram o uso da palavra em forma de defesa e falando da importância do CMJ na vida da juventude.

“O jovem muitas vezes se sente excluído por não ter voz perante os poderes públicos. Por isso é importante o poder público, executivo e legislativo pensar com carinho, pelo fato da gente querer o melhor para a nossa população.” Michel Roque.

“Temos lutado muito pra ter um Conselho e não é de hoje, quantas vezes a gente sonhou e não tivemos a oportunidade e agora a gestão está dando essa oportunidade pra gente, não só para discutir a política pública mas também outros assuntos de interesse da sociedade.” Daiane Novais

Nesta manhã a juventude brotense foi presenteada com essa aprovação que cria o CMJ, em uma data de fundamental importância, a véspera que antecede o Dia Nacional da Juventude (DNJ), e que será sediado na sede do município de Brotas de Macaúbas, o evento que contará com a presença de 4 Paróquias, e a participação de centenas de jovens. Será mais um motivo de alegria para celebrar a vida dos jovens de forma alegre, descontraída e comprometida com a realidade social.

Após o resultado positivo, o jovem e Coordenador da Pastoral da Juventude local, Rafael Novaes, expressou a alegria e satisfação desse Projeto ter sido aprovado. A gente vinha correndo atrás disso há muito tempo, e hoje por fim depois de anos a gente vem com essa felicidade de poder anunciar na véspera do DNJ essa página virada, essa esperança da gente poder ter voz e ter vez pra poder opinar nas leis e projetos do município. É com grande felicidade que foi logo no ano que estou como Coordenador, vai ser muito bom falar pra todos os jovens que vão estar aqui presentes que fomos contemplados com esse Conselho. Agradeço todos os jovens da Diocese que sempre incentivaram a buscar isso, esse querer falar, querer opinar, querer evoluir. Agradeço também ao Poder Público por ter nos escutado, agora “vamo que vamo”, com muita força e fé”, concluiu Rafael.

A Gestão Terra de Gente Feliz, é uma gestão democrática e conta com a participação social, por conta disso o Prefeito Júnior achou importante a criação do CMJ, que contará com o apoio dos jovens para discutir e buscar políticas públicas para essa categoria que tem vontade de crescer e colaborar para uma cidade mais justa, igualitária e desenvolvida. E ainda na vontade de realizar o sonho desta juventude, lembramos da música de Raul Seixas, que: “Sonho que se sonha só, é só um sonho que se sonha só, mas sonho que se sonha junto é realidade”.

COMPARTILHAR